Os carros híbridos não são uma novidade, mas nos últimos anos eles têm chamado bastante atenção dos motoristas brasileiros. O chamado carro verde, que utiliza dois sistemas de alimentação, energia e combustível fóssil, já pode ser visto, vez ou outra, pelas ruas do país.

Mas, será que vale a pena investir em um carro híbrido? Apostar em um carro moderno, mas com um preço ainda bastante alto? É sobre isso que vamos falar ao longo deste artigo.

Carros híbridos: como funciona?

A definição de híbrido tem a ver com a mistura de gêneros, raças e espécies diferentes. O carro híbrido é assim chamado porque, diferente dos carros comuns, funciona com duas fontes de propulsão que são o motor a gasolina ou etanol e o propulsor elétrico.

A ideia da criação do carro híbrido é absorver as qualidades e os benefícios que cada tipo de força possui. O motor movido a combustível possui um ótimo desempenho e autonomia para rodar por mais tempo, sem precisar abastecer a toda hora.

Enquanto isso, o motor elétrico tem um custo mais baixo por km rodado, além de não emitir poluentes. Por isso, o carro híbrido também recebe o nome de carro verde, já que não impacta tanto o meio ambiente.

Podemos ver que as qualidades do carro híbrido realmente são atraentes, mas qual o valor a ser pago? Veja a seguir.

Quanto custa os carros híbridos?

Os carros híbridos são sempre mais caros do que os carros convencionais. Atualmente, o modelo mais barato é o Toyota Prius que custa por volta de R$ 125.000,00. Em segundo lugar, temos o Lexus CT 200h, que custa um pouco mais de R$ 145.000,00.

Taxistas e pessoas com deficiência (PCD) têm direito à isenção do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) e do IOF (Imposto sobre Operações Financeiras) no ato da compra. É uma forma encontrada pelo Governo para estimular a aquisição desse tipo de veículo.

Com o desconto, o valor final do carro pode ser reduzido consideravelmente.

Ainda falando de custo, devemos destacar o seguro do carro híbrido. Apesar de ter um valor bem mais alto do que os carros comuns, aqui no Brasil, o seguro é considerado mais baixo do que em outros lugares.

Quais são as vantagens de adquirir carros híbridos?

Mas, então, será que vale a pena investir em um carro híbrido aqui no Brasil? Conheça a seguir todas as vantagens do chamado carro verde.

Redução do impacto ambiental

Uma grande desvantagem do carro convencional é a alta liberação de gases poluentes que causam grande prejuízo ao meio ambiente e às pessoas também. O carro híbrido não oferece esse problema e é o grande atrativo do automóvel.

A preocupação e o cuidado com o meio ambiente deve ser uma prática de todos. Sendo assim, eis uma grande oportunidade de contribuir para a saúde do nosso planeta.

Seguro com valor baixo

O carro híbrido possui um seguro muito baixo se comparado ao valor total do veículo e existe um bom motivo para isso. O carro híbrido tem uma baixa manutenção e até mesmo caso haja algum acidente, a bateria não sofre muitos prejuízos.

A própria montadora já oferece uma ótima garantia para a bateria, peça que representa quase a metade do valor do carro. Assim, as seguradoras se sentem muito mais tranquilas e o preço do seguro acaba caindo.

Baixo consumo de combustível

O reaproveitamento de energia por parte do sistema elétrico do carro faz com que o motor não seja tão grande quanto os modelos convencionais. Assim, há um consumo menor de combustível.

Outra característica do híbrido são os pneus com baixa resistência que geram economia. Obviamente que o motorista deve fazer a sua parte, principalmente evitando realizar acelerações bruscas, conhecidas por aumentar diretamente o consumo de combustível.

Frenagem regenerativa

Sempre que o freio é acionado ou até mesmo quando o acelerador é reduzido, o motor envia para a bateria a energia utilizada. Com esse efeito reverso, o carro ganha mais tempo operando e a necessidade de recarregar diminui.

Um dos motivos que ainda dificultam a compra do carro híbrido é a baixa oferta de estruturas próprias para o carregamento dos veículos, as chamadas estações de recarga.

Carro com maior performance

A combinação dos dois tipos de motores faz uma complementação valiosa para os motoristas. O motor elétrico impulsiona o funcionamento total do carro. Assim, há um aproveitamento melhor de todas as vantagens existentes em cada sistema de alimentação.

Um motor mais potente é bastante útil quando estamos diante de uma situação urgente, como a necessidade de fazer uma ultrapassagem. Comparando um carro comum com um carro híbrido, o segundo é, com certeza, mais potente para realizar essa manobra de maneira mais rápida e segura.

Silêncio total

Quando está operando no modo elétrico, o carro híbrido é extremamente silencioso, não faz barulho algum. É uma vantagem bem interessante se pensarmos que o silêncio em cidades grandes é uma raridade.

Por outro lado, é uma característica que exige muita atenção do motorista, uma vez que o pedestre não escuta o carro se aproximando e isso pode ocasionar mais acidentes.

Desvantagens dos carros híbridos

Como nem tudo é perfeito, é óbvio que existem as desvantagens do carro híbrido. A primeira delas é o alto preço de aquisição do produto. Assim, o preço de revenda acaba não sendo tão vantajoso na hora de fazer o repasse do veículo.

Apesar de ter um seguro mais barato, as peças de manutenção são mais dispendiosas do que aquelas do carro comum, principalmente a bateria, que é considerada o item mais caro do automóvel.

Além disso, apesar de ser uma grande vantagem para o meio ambiente, nem mesmo as grandes cidades estão preparadas para a novidade. A prova é a insuficiência das estações de recarga.

Mas, vale a pena investir nos carros híbridos?

A resposta para essa pergunta vai depender da necessidade de cada motorista, de acordo com as atividades que ele realiza ao longo do dia e também da disponibilidade financeira que ele possui. Carros híbridos são bem mais caros do que os carros convencionais.

No entanto, todas as vantagens dele podem suprir o investimento feito durante a aquisição. Importante lembrar que o seguro do carro é bastante atraente e é possível contar ainda com os descontos oferecidos pelo governo em relação ao IPI e ao IOF.

O carro híbrido é uma boa aquisição se analisarmos o custo-benefício pessoal e ambiental. No entanto, o preço cobrado ainda é bastante salgado para boa parte dos brasileiros.

O Posto 214 Sul entende que a preocupação com o meio ambiente é um dever de todos. Por isso, reforça o apoio à produção de carros híbridos, assim como o uso de novas fontes energéticas na geração de combustível.

Gostou de saber mais sobre o carro híbrido? leia mais sobre quais serão os combustíveis do futuro no Brasil.

Escreva um comentário